Representantes do Instituto de Arquitetos do Brasil no Rio Grande do Sul (IAB-RS) visitaram o prédio do Clube dos Ferroviários (também conhecido como o prédio da Associação dos Empregados da Viação Férrea), na Vila Belga. O arquiteto e urbanista Guilherme Gil e o piloto de drone Anderson Faustino captaram imagens da estrutura do local para subsidiar o concurso público que será lançado como parte do projeto Iconicidades, do Governo do Estado. O concurso vai selecionar uma proposta para revitalização do prédio histórico.

A Prefeitura de Santa Maria tem fornecido informações para o Estado a fim de que o projeto selecionado no concurso contemple as necessidades do Município. A intenção da Prefeitura é que o Clube dos Ferroviários, que atualmente está desocupado, se torne um centro de economia criativa, inclusive, passando a abrigar a Escola Municipal de Artes Eduardo Trevisan (Emaet).

A visita foi acompanhada pelo vice-prefeito Rodrigo Decimo, pela gerente de empreendedorismo do Instituto de Planejamento de Santa Maria (Iplan), Camila Saccol Fros, e pelo diretor de projetos do Iplan, Fábio Prado Lima.

A previsão do Governo do Estado é que os concursos sejam lançados nas próximas semanas. Santa Maria foi uma das cinco cidades gaúchas selecionadas, entre 11 que se inscreveram no projeto. Cada um dos prédios a serem revitalizados terá um concurso próprio.

O Governo do Estado irá viabilizar os projetos de revitalização. As obras em si deverão ser custeadas pelos municípios. Entretanto, na solenidade na qual a adesão das prefeituras ao Iconicidades foi formalizada, o governador Eduardo Leite afirmou que o Estado planeja formas de financiar esses investimentos.

O Clube dos Ferroviários é reconhecido oficialmente pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) como Bem do Patrimônio Cultural Ferroviário e é tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico do Estado (Iphae).

Fotos: João Alves/PMSM/Divulgação

Fonte: Secretaria Extraordinária de Comunicação/PMSM