Para conscientizar a população quanto à necessidade do descarte correto de resíduos, a Prefeitura começa, nesta semana, mais uma edição do programa Descarte Legal. A ação ocorre até sexta-feira (21), no Bairro Itararé. Ela prevê o recolhimento de bens inservíveis, limpeza de focos de resíduos e poda de árvores.

De acordo com o secretário municipal de Meio Ambiente, Guilherme Rocha, nesta segunda-feira (17), um caminhão de som circulará pelo bairro para divulgar a iniciativa, que tem entre os seus objetivos combater enchentes, poluição, criação de focos de mosquitos e disseminação de doenças ao longo da região decorrentes do descarte irregular de lixo.

“Queremos, também, evitar ao máximo que resíduos elétricos, eletroeletrônicos e metálicos sejam destinados ao aterro sanitário. Além de ser errado, onera o Município, é pior para o meio ambiente e não gera renda”, explica Rocha.

Entre 8h30min e 17h, a partir desta terça-feira (18), um caminhão passará em frente às residências para fazer o recolhimento de eletroeletrônicos e de bens inservíveis móveis. Os materiais da linha branca e vidros são recolhidos pela Maringá Metais, empresa apoiadora. O restante é recolhido pela Prefeitura e pela Sustentare Saneamento, empresa contratada via licitação para fazer a destinação correta dos resíduos.

O Descarte Legal deve ocorrer em outras regiões de Santa Maria nas próximas semanas.

Descarte Legal

  • Recolhimento de materiais da linha branca e vidros (geladeira, fogão, máquina de lavar, freezer, entre outros), de resíduos inservíveis móveis (sofá, cama, guarda-roupa, mesa, cadeira, entre outros) e componentes eletrônicos (computador, aparelho de som, celular, teclado, entre outros)
  • Limpeza de ruas, avenidas e de focos de resíduos
  • Poda de árvores

Fonte: assessoria de imprensa da PMSM

Crédito da foto: PMSM/Divulgação